domingo, 24 de março de 2013

7 anos de Hannah Montana


OMG!!! 7 anos se passaram? Really??? Como o tempo passa rápido não? Estou até um pouco assustada. Parece mesmo que foi ontem que eu vi o anúncio da série no Disney Channel  em 2006 e decidi que não perderia a estreia por nada nesse mundo. Tudo bem que aqui em solo brasileiro nós só conhecemos a Miley, a Lilly, o Jackson e o Oliver em novembro de 2006, mas hoje fazem exatos 7 anos que a série estreou em território estadunidense.
Hannah Montana foi ao ar em 24 de março de 2006 nos EUA e alcançou mais de 4 milhões de telespectadores na estreia. De lá pra cá muita coisa aconteceu, inclusive, o fim da série decretado depois de  4 temporadas em 16 de janeiro de 2011. 
Bom, a Miley Cyrus cresceu assim como seus fãs, mas deixou um trabalho incrível que com certeza ainda será apreciado por novas gerações.


Expressões como "cacetada", "colega", "ah, qual é?", "rrrrrrico", "como é que é?" e "MUAHAHAHA" nunca serão esquecidas pela legião da Hannah Montana. Saudades... #YearsOfHannahMontana

sábado, 23 de março de 2013

Coeur de Pirate



Coeur de Pirate é uma banda francesa dirigida por Béatrice Martin e suas canções seguem o estilo indie pop. Acabei de descobrir essa preciosidade e vim compartilhar aqui.
Estou realmente encantada com a música e com os clipes que me fizeram viajar <3 A fotografia é tão linda que tenho vontade de me teletransportar, é claro se isso fosse realmente possível =)














sábado, 16 de março de 2013

Anthea Pokroy: I collect gingers


Anthea é uma fotográfa da África do Sul formada em Belas Artes pela Universidade de Witwatersrand que fica em Joanesburgo.
"I Collect Gingers" é projeto de autoria dela que nasceu em 2010, quando Anthea decidiu reunir imagens de pessoas ruivas  de diferentes idades.

      Essa garota não é um encanto?

O que me chamou atenção neste trabalho, além do fato, é claro, de eu ser apaixonada por ruivos <3, foi a motivação de Anthea para realizá-lo. Ela conta que fez o projeto desejando influenciar os casos de discriminação e elitismo em seu país, África do Sul, e no resto do mundo.

"O contexto deste trabalho se relaciona diretamente com as minhas próprias histórias pessoais de ser judia e Sul-Africana (e, claro, ruiva). Em ambas as histórias culturais, houve perseguição extrema, ostracismo e até mesmo genocídio, devido à aparência, raça e religião. Na Alemanha nazista, Hitler procurou criar uma elite, a raça pura ariana. A fim de fazer isso, ele teria que erradicar o que ele considerava fracos, sub-humanos como os judeus, homossexuais, ciganos e assim por diante. O Apartheid da África do Sul é famoso por sua prática de discriminação racial, separação e desigualdade. Tal como acontecia com as Leis de Nuremberg, a segregação genética na África do Sul foi legalmente formalizada com a Lei de Imoralidade e com a Lei de proibição de casamentos mistos."
                                                          
                                                  Olha essa carinha fofa ♥ Puro Amor...


Ela fala também que a inspiração teve um lado pessoal, já que Anthea também é ruiva e apaixonada, assim como eu, pela bela e romântica paleta de cores dos ruivos.

                          E esse olhar de irritadinho?                                                 Cabelinho de anjo <3
Neste vídeo Anthea fala sobre o projeto e sobre o futuro livro que esta em processo de arrecadação de fundos e, sendo assim, pede doações para que ela consiga lançá-lo.


Você pode conferir mais sobre a Anthea e esse projeto no site oficial clicando aqui.

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Fazendo Meu Filme 1 - A estreia de Fani - Paula Pimenta


Sabe quando a gente vê um livro e se apaixona a primeira vista? Foi bem isso que aconteceu quando eu vi esta preciosidade pela primeira vez em 2011, creio eu. Na época fiquei louca para comprá-lo mas, eu tinha outras prioridades e acabei deixando pra lá.
Esse ano na feira do livro da USP eu acabei levando a série inteira pra casa ♥ (Pensem na minha felicidade =D, eu tinha livros para as férias inteira!). Imaginei que realmente leria todos os eles antes das aulas recomeçarem mas, o estágio absorve boa parte do me tempo e eu não tive o recesso dos meus sonhos hahahahaha. Enfim, aproveitei as poucas horas livres para dar início a leitura e me envolvi completamente.
Eu sou fã da Meg Cabot desde a pré-adolescência e a Paula se tornou minha Meg brasileira. Com toda a certeza terei todos os seus livros na minha estante e farei com que minhas filhas (ok, me senti a velha escrevendo isso) leiam ambas.
Agora chega de lero-lero e vamos ao que importa.


FMF 1 é o primeiro livro da série que é composta por 4. É nele que somos apresentados a Fani (Estefânia), uma mineirinha de BH de 16 anos que ama filmes e sonha em ser uma grande cineasta, sua família, seus amigos e sua paixão secreta. No decorrer da história ela tem a chance de participar de um processo seletivo para intercâmbio e vivenciamos as mudanças que ocorrem em sua vida com essa possibilidade.


A história é fantástica e se torna impossível você não se imaginar na pele da Fani. Eu por exemplo, inspirada por ela, criei um caderninho onde estou catalogando todos os filmes que vejo, anoto as citações e coloco estrelinhas de acordo com minha satisfação. Além disso, me dispus a ver TODOS os filmes que aparecem no livro (na primeira página tem a lista de DVDs da Fani) e a aumentar minha coleção (estou aceitando doações hahahahaha).


Aspectos físicos: A capa de um livro pode não dizer simplesmente nada sobre ele, mas, eu confesso que é uma coisa que me atrai e muito. FMF 1 tem uma capa linda, as imagens escolhidas remetem exatamente à personagem e além de tudo, fica tão fofo na estante . São 327 páginas, 55 capítulos curtos e sempre são iniciados com uma citação que faz referência ao que esta por vir, as páginas são branquinhas e a diagramação (margem, fonte e espaçamento) é perfeita.

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Cartas Extraviadas - Martha Medeiros


 

Acho que todo mundo conhece a Martha ou pelo menos já leu algo dela por ai.
Eu confesso que ainda que muitas das minhas paixões foram alimentadas com os textos dela, eu efetivamente fui apresentada a autora na Bienal do Livro pela Beea ♥ (te extraño cochina) através do livro Divã no ano passado?, não lembro hahahahaha. A partir dai, foi só amores.

Pra quem duvida da minha opinião, fiquem com a do Caio F. Abreu: “A poesia da Martha acontece o tempo todo, do lado de dentro ou de fora da gente. Por ser poeta, ela consegue captá-la e dar-lhe a mais sensível e contemporânea das formas. Então, comove.”


Cartas Extraviadas, é uma coletânea de escritos da Martha Medeiros, são 108 poemas e 5 cartas que foram escritas mas não foram enviadas ao seu destino. Vou confessar que me identifiquei muito com essas cartas. Eu vivo escrevendo coisas endereçadas a certas pessoas mas, que são escritas para não chegarem ao seu destino também.



O livro é um pocket ♥ (love it) publicado pela LPM e os aspectos físicos e gráficos são muito bem cuidados. A capa traz uma estante com objetos que fazem referências aos contos.

O poema que mais gostei (meldels como foi difícil chegar a esta escolha) foi esse:

o que me prejudica
é essa mania de dizer a verdade
quando deveria mentir
e fingir que estou à vontade
quando na verdade machuca


E este é um trechinho da carta que mais me encantou ♥: 

"Pra mim e pra você, escrevo que, daqui de onde me encontro, você está longe e perto, e eu estou sozinho e não. Do que sinto, aviso que é forte mas não é perigoso, é como um grande lado sereno, eu sou o píer, quase me precipito, você é todo o resto, toda água, tudo o que há. Mas somos dois e em vez de par, somos ímpares. Estou possuído por você e ao mesmo tempo permaneço impermeável, amo a seco, e rendido."





quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

The sims 3



Bom, eu vou contar uma coisinha quase secreta, eu sou viciadinha em jogos. Daquelas que esquecem a vida quando está na frente do video-game ou do PC hahahahaha. A-D-O-R-O perder umas horinhas jogando e me sinto extremamente realizada quando termino um jogo. Ok! Parei com os exageros hahahaha. Mas, a verdade deve ser dita, eu sempre fui muito ligada a vídeo-games, tive acesso a eles muito pequenininha porque fui criada próximo a primos (meninos) mais velhos e meus dois irmão também são meninos.
Enfim, no primeiro post da nova tag "OMG I'm a geek" eu resolvi falar sobre o meu jogo predileto: The Sims <3.

Título: The Sims 3
Plataformas: Windows, Mac OS X, iPhone OS, Windows Mobile, Android, Palm Pre, N-Gage, Wii, Nintendo DS, Nintendo 3DS, PlayStation 3, Xbox 360 e Wii U
Avaliação: 

Acho que todo mundo já jogou ou pelo menos já ouviu falar do jogo em si. Eu conheci ele ainda na primeira versão (estou me sentindo velhinha now) e me apaixonei. Lembro como se fosse hoje, eu estava em Salvador de férias na casa da minha madrinha <3 e meu primo estava jogando e me pediu pra "cuidar"do jogo dele enquanto ele ia tomar banho. Ele me ensinou o básico, bem rapidinho mesmo e saiu.
No primeiro contato eu achei tudo aquilo muito complicado, não sabia que dava pra pausar e quase entrei em pânico quando vi quase todas as barrinhas dos 4 sims dele ficarem avermelhadas. Mas, depois de um tempinho ralando pra não deixar ninguém morrer eu comecei a me apaixonar, #trágico, meu primo voltou do banho e quase nos estapiamos porque eu não queria sair e deixar ele voltar hahahahahaha (sim, eu sou mala!). Ele venceu a "guerra"e eu voltei para o Nintendo 64 <3 mas, com o poder das palavras da minha madrinha em mãos, ele teria que sair em 1 hora e me deixar jogar HAHAHA (ganhei!). E foi assim que começou a minha paixão por este jogo tão simples e tão cativante. Palmas para Will Wright (criador do jogo) que teve a brilhante ideia de lançar um jogo onde nós podemos brincar com a vida.
Agora chega de blablabla e vamos ver algumas fotos do meu jogo.
Um outro segredinho é que sempre tenho milhares de filhos (WTF?) e a minha família é formada pela Nicole e o Gustavo desde a primeira vez que criei uma família dentro do The Sims.


E ai ficou com vontade de jogar?

Onde comprar?
Compare no Buscapé se quiser comprar em mídia física (caixinha + DVD)
Ou compre mídias digitais por um preço muito mais em conta na Steam, na Nuuvem ou na própria Origin.

Ps. Eu tenho a versão para PC que comprei na Nuuvem.
Ps2. Ainda não tenho expansões porque, vou ser bem sincera, eu tenho o The Sims 2 e todas as suas expansões mas, não quis gastar dinheiro com o 3 até ter a absoluta certeza de que eu iria gostar dele tanto quanto o 2. Comprei somente o título básico a um tempinho mas, já estou ansiosíssima para comprar a expansão University Life que esta prevista para lançar no dia 05.03.2013 e é a expansão que eu mais gosto do 2.
Ps3. Juro que é o último Ps. hahahahaha. Aluguei e joguei a versão The Sims 3 para Xbox 360 e para minha surpresa eu gostei (já tinha tentando no Play 2 e odiei) mas, não pagaria R$ 200.00 por ela já que já tenho a versão para PC. Também aluguei o The Sims 3 Pets para o Xbox 360 e O-D-I-E-I, o jogo é muito difícil de controlar e não me fez ter vontade de continuar com ele nem alugado hahahahahaha.

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Espelho, espelho meu...



Sabe quando você se imagina tão diferente do que é? Isso acontece com vocês também ou sou um ser realmente estranho? 
Enfim, isso está acontecendo comigo a alguns dias. 
Sempre que acordo e olho meu reflexo no espelho não consigo me reconhecer. Me sinto diferente daquela garota que aparece me interpretando em meus sonhos. É como se essa vida não fosse a minha vida real.
Ela é tão bonita, seus cabelos estão sempre perfeitos e com um brilho incrível. 
Ela tem uma auto confiança invejável e sempre que a vejo ela carrega um sorriso enorme em seus lábios pintados com aquele batom perfeito.
Suas roupas? Nem preciso falar que parecem que foram desenhadas especialmente pra ela né? E os sapatos? São tão delicados que parecem que não foram feitos para caminhar. 
Ela tem um jeitinho tão encantador que apaixona todos que a cercam. É sempre vista com muitos amigos e rindo feito criança.
Ela tem só 15 anos, vive em L.A. e esta planejando seu "sweet sixteen".
A garota dos meus sonhos é exatamente quem eu gostaria de ser.

domingo, 13 de janeiro de 2013

RAIN DAYS...

O que fazer em dias de chuva nas férias?
Esse fim de semana aqui em São Paulo foi assim. Eu tinha planejado mil e uma coisas pra fazer, e ai o que acontece? Simplesmente São Pedro resolve aparecer...tá, foi péssimo hahahahaha.
O que importa é que eu fico extremamente preguiçosa quando chove, é assim com vocês também?
Pensando nisso, resolvi modificar meus planos e posso dizer que foi muito bom. 
Estamos na metade do domingo ainda mas, posso dizer que passei o fim de semana inteiro no meu quarto e foi muito bom esse tempo comigo mesma.
Agora vamos as dicas...

1. Internet...Yei..Aproveitei para ler blogs, resenhas, entrevistas, notícias, ver minhas séries favoritas, me atualizar nos vlogs que acompanho, ouvir música e um montão de outras coisas hahahahaha. 

2. Play my guitar! É isso ai, tirei a Angelina (minha viola tem nome Yeah hahahahah) da capinha e desenferrujei um pouquinho.

3. Experimentar novos penteados, maquiagens e afins.

4. Fotos e mais fotos.. Atualizar o flickr e outros cantinhos...
#pokerface

#desfocagem #cabelo #laçinho #saia #pés

#desfocagem #look

5. Ler...SEMPRE. Nada melhor que perder umas horinhas nesses dias chuvosos para me teletransportar através de contos e encantos que só encontro nos livros...






quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Desejos para 2013...

Início de ano é sempre a mesma coisa, não?
Todo mundo resolve fazer promessas e as esperanças são renovadas.
Comigo é igualzinho, eu sempre espero que o novo ano será melhor e que eu cumprirei minhas metas.
Nem sempre isso acontece, mas, não custa nada tentar outra vez, certo?
Não vou fazer uma lista enorme, até porque já tenho o 101 em 1001. Então vamos lá:
 Escrever todos os dias:
Vi um tutorial no Road Trip da Nina e resolvi fazer alguns caderninhos/diários. Assim fica fácil para carregar e não esquecer de cumprir essa meta.

Esse aqui é um deles:
E sua primeira página \o/ 

 Ler mais:
2012 foi um ano bagunçado pra mim. E acabei lendo pouquíssimo. Mas nada melhor do que as férias para tirar o atraso não? Estou até pensando em fazer algumas resenhas dos livros lidos...
  Fotografar mais:
Tenho que levar minhas fofurinhas para passear/trabalhar <3.
 Assistir a filmes:
Uma das coisas que eu amo e deixei de fazer..Ir ao cine ou simplesmente me jogar no sofá.


♥ Mais programinhas com as amigs por favor:


♥ E por fim, muito mais família em 2013:




domingo, 6 de janeiro de 2013

Hello 2013...


Voltei \o/...e estou passando por aqui rapidinho..
Depois dessa bagunça que é o natal e o ano novo por aqui, dei uma pausa e me sinto renovada.
Novos planos, novos desejos, novas pessoas...enfim, um  novo ano!
Desejo a todos um 2013 muito doce e colorido <3